STF exige e Ministério da Justiça diz que investigará delegada Érika Marena por falsificação de testemunho na Lava Jato

O STF (Supremo Tribunal Federal) questionou o ministro da Justiça, André Mendonça, sobre a revelação de que a delegada Érika Marena, da Polícia Federal, que coordenou investigações da Lava Jato, inventou depoimento de uma testemunha sem que ele tivesse ocorrido de fato. A  PF é subordinada a Mendonça.

O ministro afirmou que investigaria os fatos, informa a jornalista Mônica Bergamo em sua coluna na Folha de S.Paulo.

A conduta da delegada Érika Marena foi revelada em diálogos entre os procuradores Deltan Dallagnol e Orlando Martello Júnior. 

Via Brasil 247

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *